A Cidadeclique nas fotos para ampliá-las.

Conta a História que, a cidade de Alcobaça foi fundada no final do século XVIII (1752) pelos colonizadores, que ali ergueram a igreja de São Bernardo, patrono da Cidade Portuguesa de mesmo nome. Dois séculos se passaram e Alcobaça ainda guarda os segredos dos tesouros que corsários franceses enterraram em seu litoral.

Localizada no Extremo Sul da Bahia, junto ao encontro do rio Itanhem com o mar, Alcobaça tem praias calmas e belíssimos manguezais e cultiva sua história carregada de lendas e tradições. A beleza das praias, muitas ainda inexploradas, e a deslumbrante foz do rio Itanhem, com seus ricos manguezais, são ideais à prática do ecoturismo.

Desenvolvendo atividades voltadas à pesca e à agropecuária, hoje a cidade possui uma população de quase 25 mil habitantes, distribuídos igualmente entre as áreas urbana e rural. A antiga igreja de São Bernardo, os casarões coloniais, a fonte da cacimba e as ruas com casinhas antigas enfileiradas retratam a história da cidade. O resgate da história também está presente nas festas populares e religiosas, como as de São Bernardo e São Sebastião nas datas de 20/08 e 20/01, trazendo os rituais, o colorido das vestimentas e a dança das lutas, sem faltar as apresentações de capoeira, bastante difundida na região.


Frutas e Peixes

Configuração geográfica previlegiada e muito sol o ano todo garantem uma variedade de frutas exóticas como a graviola, a carambola, o caju e a pitanga, assim como uma fartura de peixes, camarões, lagostas, pitus, siris e guaiamuns, que fazem as delícias da culinária baiana.

Não bastasse tudo isso, a faixa de mar entre Alcobaça e o Arquipélago de Abrolhos foi escolhida pelas baleias Jubarte para procriarem e amamentarem seus filhotes. Também conhecidas como " baleias-cantadoras", seu sonoro e gracioso balé pode ser visto de perto junto às embarcações, entre os meses de Julho e Novembro.

VENHA CURTIR TODOS ESSES ENCANTOS E DESFRUTE DA MELHOR OPÇÃO EM HOSPEDAGEM DO SUL DA BAHIA